INDIQUE A UM AMIGO   ADICIONE AOS FAVORITOS

Av. Com. Luciano Guidotti, 354 - Higienópolis - Piracicaba/SP - Brasil (CEP 13417-370)
FONE: (0xx19) 3301-7915 / FAX: (0xx19) 3301-7916

"Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor" (Oséias 6:3)
Feliz Dia dos Pais !!
Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 
Escrito por saulo   
Qui, 11 de Agosto de 2011 14:18

Pai – Conheça as responsabilidades que Deus nos deu !

Neste Domingo (14 de agosto) comemoramos o "Dia dos Pais"; muitos recebem presentes, recebem felicitações, mas em outros lares nada disto acontece. Será que temos entendido o que Deus quer de cada homem como pai? Temos cumprido as responsabilidades que o Senhor nos deu?
“O meu povo é destruído porque lhe falta conhecimento. Porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei como meu sacerdócio; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.” (Os 4.6).
Falta de conhecimento quer dizer “ignorância” e na cultura hebraica, “ignorância” quer dizer “estar nas trevas”, sem luz. Deus criou o homem para ser o sacerdote do lar, para isto acontecer ele precisa conhecer a Palavra de Deus, praticá-la e por meio disto a bênção de Deus virá sobre seus filhos e sobre toda a sua casa.

Precisamos entender algumas coisas que Deus tem nos ensinado por meio da sua Palavra e quais as responsabilidades que Deus nos deu.

1. Deus deu ao homem a responsabilidade de guardar a sua casa

“O Senhor Deus tomou o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.” (Gn 2.15). Cabe ao homem a responsabilidade de guardar a sua casa, a sua família, seus filhos. E como fazemos isto? Por meio da oração, adoração, de mostrar aos nossos filhos que Deus sempre tem que estar em primeiro lugar. Precisamos ter tempo para o Senhor em nossa casa. Precisamos levantar um altar de adoração em nossa casa. Deus tem saído de várias casas porque nós não queremos a sua presença, não oramos, não adoramos, simplesmente não temos tempo para ele. Ore pelos filhos diariamente, interceda por eles e entregue-os completamente nas mãos de Deus.

2. Deus deu ao homem a responsabilidade de levar os seus filhos a conhecer Jesus

“Devemos instruir nossos filhos a temer a Deus.” (Pv 1.7-8). “Instrui o menino no caminho em que deve andar [...]” (Pv 22.6). O pai deve andar neste caminho, ser um testemunho para o filho, ser uma referência. E também o pai deve andar junto com o filho neste caminho. Deus vai nos cobrar a vida de nossos filhos. Isto para Deus é o mais importante, para isto ele nos colocou como pais. Podemos fazer muitas obras para Deus, mas se negligenciarmos o ensino de nossos filhos estas obras não terão nenhum valor para Deus.

Não precisamos andar atrás de nossos filhos, apontando cada erro e informando-lhes quais são suas falhas. Eles sabem. Têm plena consciência delas. O que eles precisam é de um pai dedicado a edificá-los e a encorajá-los; alguém que acredite neles e que os ajude a dar o melhor de si. O poder paterno pode ser negativo ou positivo. A pessoa que você é e a forma como age ficarão impressas em seus filhos e se perpetuará na segunda, na terceira e na quarta geração.

3. Deus deu ao homem a responsabilidade de atrair a sua presença para o lar
Cabe ao homem como sacerdote, atrair a presença de Deus para a sua casa. E isto ele faz através de uma vida de amor a Deus, um relacionamento de intimidade com o Senhor, sem religiosidade. Nossos filhos estão de olho em nós, em nossas atitudes no trabalho, à frente de uma televisão, na internet, como tratamos nossa esposa, como tratamos as pessoas com quem convivemos. As nossas motivações etc. Quando atraímos a presença de Deus todos são abençoados, toda a família é tocada pela presença do Espírito Santo.

4. Deus deu ao homem a responsabilidade de cultivar, semear e frutificar na vida de nossos filhos
O que temos cultivado e semeado no coração de nossos filhos, amor, paz, amizade, ira, contenda, cobrança? O Reino de Deus opera em semear e colher. Cabe ao pai ser um semeador na vida dos filhos. O filho tem que ver o pai como um amigo, alguém em quem possa confiar. Comece a semear na vida dos seus filhos, abençoe-os na escola, no trabalho, seu futuro cônjuge, seus futuros filhos. Os judeus abençoam seus filhos antes mesmo de nascerem.

5. Deus deu ao homem autoridade e a responsabilidade de disciplinar seus filhos
Vivemos em uma sociedade em que tudo pode, tudo é livre e que não disciplina seus filhos, infelizmente, isto tem chegado às igrejas. Os filhos esperam pela autoridade e disciplina do pai e devemos fazer isto com amor, buscando a sabedoria e a graça de Deus. Nunca com ira e querendo demonstrar quem manda. Precisamos criar um ambiente de amor e capacitação. Proporcionar relacionamentos regidos pela graça de Deus e aí teremos filhos bem formados.

Se você está à procura de um padrão imutável a partir do qual possa orientar sua vida, o melhor ponto de referência é o “Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança” (Tg 1.17). Uma atitude que caracteriza um pai eficaz é quando ele conduz a relação com o filho de forma a chegar ao ponto em que pode dizer: “Filho, fiz o melhor que pude para viver de maneira coerente e ser um referencial confiável pelo qual você pudesse se posicionar neste mundo. No entanto, como você já pôde perceber, eu não sei tudo e, às vezes, cometo erros. Faço o melhor que posso, mas, se você me escolher como centro de seu universo, acabará perdido. Gostaria então de cumprir minha tarefa mais importante como ponto de referência para você, apresentando-lhe um referencial mais estável, mais confiável. Sou seu pai aqui na Terra, mas agora gostaria que você aceitasse um Pai celestial e que pautasse sua vida de acordo com a orientação dele.”

Feliz Dia dos Pais!

Autor: Newton Rodrigues da Silva Júnior (Ministério Homens da Promessa da Igreja Batista da Lagoinha) - Texto Adaptado

Última atualização em Sex, 12 de Agosto de 2011 20:48
 
© 2011 Igreja do Nazareno Jardim Elite de Piracicaba-SP | Todos os direitos reservados
Desenvolvido por NetiCom Brasil - Agência Web